5 de ago de 2011

-Quantos dias você ficou com ele?- ela ainda podia perceber um leve tom de cobrança na voz dele, por mais que ele tentasse esconder. Ela tinha sentido falta disso. Sorriu, desviando o olhar e colocando uma mecha atrás da orelha. Não queria falar disso com ele, mas sentiu que não tinha problema.
-Três vezes. Uma logo depois que a gente tinha terminado. Outra no meu aniversário.- e sem querer, acabou rindo um pouco. Ah sim, ele tinha prometido comemorar o aniverário dela com ela, mas eles acabaram terminando antes. Droga.- Mas a gente precisa mesmo de falar disso?- ela sorriu, olhando para ele de novo, passando a mão por trás do pescoço, relaxada e descontraída. De repente, ficou tensa ao olhar para ele. Ele não tinha mais aquele olhar de cobrança, e agora olhava para ela com tristeza e aquilo mais... seria... mágoa? E tão de repente quanto tinha aparecido, desapareceu, e ele sorria de novo. Devia ter sido só impressão.
-Não, a gente não precisa. O importante é que a gente tá junto de novo agora. - e a beijou de leve nos lábios, tentando se convencer com aquelas palavras, mesmo que no fundo já soubesse que a havia perdido por uma simples e incontestável evidencia: o brilho nos olhos dela.

Nenhum comentário: